(500) Dias Com Ela ♥


(500) Days With Summer, no Brasil, 500 Dias Com Ela, é um filme de 2009, dirigido por Marc Webb, escrito por Scott Neustadter e Michael H. Weber (sim, os mesmos de A Culpa É Das Estrelas) e estrelado por Joseph Gordon-Levitt (Tom) e Zooey Deschanel (Summer).




A problemática da história é que Tom quer um relacionamento, e Summer não. Ele é um romântico, ela não acredita no amor.



Mesmo assim, eles ficam juntos, porque ambos são jovens, bonitos e tem gostos em comum. E o óbvio acontece: ele se apaixona. Mas ela não retribui esse sentimento e o deixa.



Tom está mal por causa do término, e após uma conversa com sua irmã (Chloe Moretz ♥ ) relembra todo o tempo que passou com Summer.



Sim, o filme começa no fim. Não há uma ordem cronológica exata, e mesmo assim você entende tudo. Começa no término, volta para o primeiro dia, depois o trigésimo, pula para o centésimo, e por aí vai. Isso é feito com tamanha maestria, que se você parar para pensar, percebe que se fosse tudo em ordem não seria tão legal.




Iniciamos nossa jornada pelos acontecimentos entre os dois já sabendo que não deu certo, e isso é genial. Todas as histórias estilo boy meets girl que conhecemos antes têm daquela fórmula básica: garoto encontra garota, ela é perfeita para ele, eles ficam juntos, porém há um empecilho, o que não impede que no final eles tenham o sonhado "felizes para sempre". Em (500) Dias Com Ela, vemos outra possibilidade: e se os dois forem perfeitos um para o outro, mas a garota não conseguir gostar do cara?





O desenrolar dos fatos que culmina no dia fatídico do término é feito de modo leve, alternando entre cenas românticas, cômicas (como não amar os amigos e a irmã do Tom?) e dramáticas.




E o que dizer da trilha sonora? Músicas maravilhosas, como a "Quelqu'un M'a Dit" da Carla Bruni, There Is A Light That Never Goes Out, do The Smiths e "Us" da Regina Spektor. Cada uma se encaixa perfeitamente na cena em que foi colocada. Tanto que, quando vi as cenas deletadas, nas quais não há música, senti que algo estava errado.



Destaque especial também para o figurino. O filme tem uma atmosfera meio vintage, e as roupas dos personagens seguem esse padrão. Meu instinto cleptomaníaco se acende toda vez que vejo aqueles looks da Summer.


Seis anos depois de seu lançamento, (500) Dias Com Ela continua mexendo com o emocional de muita gente. E na minha opinião, isso não vai parar nunca, pois o filme já é praticamente um clássico. Se você ainda não assistiu, assista. Garanto que não vai se arrepender.


 Beijos,
          Duane ♥

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente! Não gostou? Me diz onde errei pra arrumar ;)
E please, se for pra fazer comentário inútil, o temido spam ("adorei o post, visita meu blog?" blergh) sério, pode ir embora meu amor.
Se você tá na vida de blogueiro(a) também, e fizer um comentário legal após ter lido o post, pode ter certeza que vou retribuir a gentileza, é só deixar o link ♥

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...