Você é importante


Olá pessoas!
Durante muito tempo eu não me coloquei em primeiro lugar. Antes vinha o “amor”. Por que eu tô falando entre aspas? Porque isso não era amor de verdade. Pra amar alguém pra valer, você tem que se amar primeiro.
Eu sei, isso é muito clichê, e você já deve ter visto em zilhões de lugares, mas poxa, quando é que as pessoas vão aprender de verdade?
A gente já cresce ouvindo que o mais importante na vida é amor, que sem o amor você não é nada, que lalalalalala, aí aparece sujeito, uma sujeita, que a gente idealiza, pensa que é o modelo mais perfeito e fica lá assim


Depois a gente descobre que a pessoa nem era tudo isso e vem o baque:

“AAAAH, O AMOR NÃO EXISTE, ERA TUDO UMA FARSA, AMOR É QUE NEM A MINHA CARTA DE HOGWARTS, NÃO CHEGOU ATÉ HOJE, NEM NUNCA VAI CHEGAR”.
Calma, calma, calma aí. O amor existe sim. Vai chegar pra mim, vai chegar pra você. Mas antes de tudo, pra que ele possa aparecer, você tem que gostar de si mesmo. Mas tem que gostar de verdade, sacas? Não pode ser amor meia boca não. Você tem que ser grato pela própria existência. Pelo seu corpo. Pelas suas qualidades e pelos seus defeitos. Bota uma coisa na sua cabeça: você é importante.
Também não estou falando pra você ficar se achando né, tem muita diferença entre se amar e se achar a rainha da cocada amarela. Apenas foque em você mesma, nos seus planos, seus projetos, sua vida.


Gostar de si mesmo é um processo lento, delicado, e eu não estou dizendo que você vai conseguir de primeira. Mas o importante é começar.

Beijos,

           Duane.

10 comentários:

  1. Eu acho que os clichês são justamente clichês por um motivo, haha. Eu sou uma das pessoas que demora para aprender, principalmente quando tem relação comigo. Vê se pode? Até por isso acho tão legal (e importante) encontrar por aí mensagens como a sua. Muita gente se esquece do quão importante é gostar de si mesmo e poucos sabem como isso pode influenciar em todas as decisões da vida. Nossa, eu até enlouqueço um pouco ao pensar, hahaha. Adoro seus posts e como você traz lições valiosas num tom tão amigo. :)
    Beijos,
    Bru
    Blog Moderando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, haha.
      Eu também meio que sou assim!
      Ahhh, Bru, fico muito, MUITO feliz em ler isso. Obrigada, de coração ♥

      Excluir
  2. Olá, tudo bom?
    A um tempinho eu tive um casinho e minha mãe acabou descobrindo e ela não concordava com isso, apesar de já ter ouvido esse termo do ''primeiro devemos se amar antes de amar alguém'', eu nunca tinha realmente praticado ou entendido nada. Mas com o tempo passei a entender e a ''praticar''.
    Adorei a postagem. Vejo muitas meninas não usando algo que gosta só pq ''os garotos não gosta''. Uma baboseira, eu uso o que eu gosto e eu sei que uma hora vai aparecer alguém que goste desse jeitinho que eu sou e do jeitinho que eu me visto e me arrumo, certo?

    Sessão Proibida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também não entendia, leva um tempinho pra gente entender, né?
      Sim! Mantenha sua essência e goste de si mesma. Só fique com quem te der valor pelo que você é ;)
      Obrigada pelo comentário, Lunii :)

      Excluir
  3. MINHA SHERLOCK DO AMOR <3333

    apesar de eu ainda estar engatinhando nessa arte do amor-próprio, eu concordo com absolutamente tudo! Se a gente não se amar, só vai atrair ilusões, pessoas chegadas na treta e que vão te trazer mais prejuízo do que benefício. Os tais vampiros emocionais. Nada legal.

    Apesar de frase clichê, parece que as pessoas nunca enfiam na cabeça que de se amar primeiro MESMO. Gente, ponham em prática que dá certo! Ou então a gente chama a Duny pra bater na cara de todo mundo e fazer eles entenderem isso HAHAHAH

    beijo
    beinghellz.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nada legal, MESMO.
      Olha, pelo que vejo por aí, parece que vamos ter que chamar a Duny HAHAHAHAH.
      Obrigada, migs :3

      Excluir
  4. Amor proprio é fundamental !

    Beijos,
    www.thalitamaia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo!
      Obrigada por comentar, Thalita c:

      Excluir
  5. Ter amor próprio é muito importante, mas é uma caminhada bem difícil até chegar lá. Pelo menos foi para mim e posso dizer que cada pedacinho da "jornada" valeu a pena e hoje estou, feliz e me amando (mas trabalhando todo dia para amar cada vez mais).

    Um beijo! ♥
    www.daniquedisse.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, com certeza, não é fácil!
      Tamo junta o/
      Obrigada, Dani ♥

      Excluir

Gostou? Comente! Não gostou? Me diz onde errei pra arrumar ;)
E please, se for pra fazer comentário inútil, o temido spam ("adorei o post, visita meu blog?" blergh) sério, pode ir embora meu amor.
Se você tá na vida de blogueiro(a) também, e fizer um comentário legal após ter lido o post, pode ter certeza que vou retribuir a gentileza, é só deixar o link ♥

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...